• Rogério

A anedota do debate “Cigarros apagados”

“Cientificamente não está provado que o fumar passivamente é prejudicial à saúde…” Prof.ª Doutora Fátima Bonifácio (Historiadora) Ao mesmo tempo, no meu sofá, pensava: “É o mesmo que dizer que o primeiro rei de Portugal não foi D. Afonso Henriques mas sim Salazar…”


Pouco tempo depois: “Concordo. Não ponho em questão isso. Excedi-me. De facto, está provado cientificamente que o fumar passivo é prejudicial à saúde…” Prof.ª Doutora Fátima Bonifácio (Historiadora) “Ah! Bem me parecia que foi o D. Afonso Henriques”, pensei eu.


Comprometeu o seu discurso, raciocínio, ficou fora do debate e sentiu-se desmotivada como ela própria afirmou. E quando acordou, não acrescentou nada de novo…

Conclusão: O fumo “bloqueia” não só os pulmões, como o cérebro. Enquanto que a humildade de assumir que estamos errados está imune ao fumo.

Continuando… – Ó Doutor! Ó Doutor. – Não é verdade. – Ó Sr. Doutor! Ó Sr. Doutor. – Está a faltar à verdade. – Ó Doutor. – Deixe-me falar. – Ó Doutor responda-me. – Se me deixar falar… – Ó Sr. Doutor… – Mas… talvez… no entanto… apesar de… entretanto… uma vez que… logo… portanto…

Por que somos “tão bem educados” num debate destes? Faz-me lembrar uma das rábulas dos Gato Fedorento: se esquecêssemos o senhor e o doutor o debate de ontem resumia-se a metade do tempo. A primeira parte foi para esquece. Que debate fraco, tal como o tabaco…

Continuando…

Esta lei é, sem dúvida, fundamental para educação das gerações futuras. Não devemos pensar apenas em nós próprios, na propriedade privada ou liberdade individual, pois estas não estão postas em causa.


Esta lei terá forte percussões na prevenção, educação e saúde dos mais jovens.

É nisso que devemos pensar.


Por exemplo, regularmente vejo pessoas a deitarem papéis para o chão com um à vontade como se de um acto normal se tratasse. Não aceito mas compreendo, pois têm o dobro ou o triplo da minha idade e foram educados de outra forma.

Apanho o papel e coloco-o no contentor do lixo.

Ao mesmo tempo, sou abordado por um grupo de crianças que me mostram que devia colocar o papel no papelão e não no caixote comum.

3 Gerações, 3 comportamentos diferentes.

A sociedade está em constante transformação. A educação é essencial para essa transformação.

Não há uma lei que proíba as pessoas de tomarem banho quando fazem a digestão (eu pelo menos desconheço), mas todos sabemos se arriscamos, estamos sujeitos a que as coisas corram mal. Não é verdade? Na questão do fumo, todos sabemos que não nos preocupamos muito com o risco, porque o fumar passivo é com os outros e não é nada connosco.


“Quem está mal que se mude!”

É triste, mas bem sabemos que é verdade…


Por último… Referindo-se à tradicional justificação das pessoas com idade avançada que sempre fumaram e nunca tiveram problemas de saúde, o Prof. António Vaz Carneiro afirmou: “As guerras não matam, porque há veteranos vivos”.

Se tivesse na plateia, levantava-me e batia palmas. Com tanta lucidez demonstrada até era capaz de dar pinotes… Muito bom! Resume um pensamento apenas com uma frase.

Interpretem-na da forma como quiserem, mas por favor, não inventem tal como estão a fazê-lo com a Lei n.º 37/2007, de 14 de Agosto.

Ler artigos relacionados com tema: Ano novo vida nova? Desculpe, faça o favor de apagar o cigarro…

Sustenta o sustentável 🍀


Rogério

Geógrafo

Linkedin

Posts recentes

Ver tudo
  • Preto Ícone Twitter
  • Preto Ícone LinkedIn

© 2020 Georden   |   georden@gmail.com   |   Política de Privacidade

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now